Sindicato toma providências contra as atitudes ilegais da empresa G

A empresa de segurança GP vem agindo de forma arbitrária, descumprindo várias normas da CCT e desrespeitando os vigilantes.

Como já citamos aqui, a empresa levou os vigilantes que foram demitidos do banco Itaú para o Rio de Janeiro, a fim de assinarem um acordo, sem a presença do Sindicato do qual abrange a região Sul Fluminense.

O episódio seguinte foi com os vigilantes do Bradesco, os quais estiveram em contato com o nosso Sindicato denunciando que a empresa descontou um valor irregular do contra-cheque dos mesmos.

 

Na Votorantim, onde a GP também prestava serviço, os vigilantes foram demitidos e a empresa não acertou nada com os mesmos, não foi depositado sequer o Fundo de Garantia.

Agora, a última da GP, é a ilegalidade do desconto no contra-cheque dos vigilantes. A GP alega que o desconto foi devido ao pagamento da periculosidade na volta das férias.

O Sindicato dos Vigilantes de Volta Redonda e Região não concorda com este desconto e nem com todas as atitudes citadas da empresa, por isso já acionou os órgãos competentes para uma vistoria na empresa GP, ressalvando que os contratantes (Itaú, Bradesco e Votorantim) também tem que responder pelos fatos ocorridos.

O Sindicato irá até o fim para sanar todos estes problemas.

Sindicato e categoria juntos!

Contato

VOLTA REDONDA - RJ: Av. Sete de Setembro, 632 - Aterrado

Telefone: (24) 3346-8819

 

RESENDE - RJ: Av. Albino de Almeida, 142 - sala 205 - Campos Elíseos (em cima da loja Mundo Verde)

 

E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.